ONU estabelece dia 5 de junho como o Dia Internacional Contra a pesca Ilegal


Pesca artesanal / Agência Brasil
Agência Brasil

Uma série de resoluções da Assembleia Geral da Organização das Nações Unidas – ONU abordadas em 2017 possuem relevância ambiental. Algumas delas são muito celebradas pela Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura – FAO, pois visam a promoção da segurança alimentar.

Merecem destaques algumas delas, como a Resolução que declarou a Década Internacional da Agricultura Familiar (de 2019 a 2028) e a que determina que o dia 5 de junho seja o Dia Internacional Contra a Pesca Ilegal.

Os pescadores artesanais representam 90% da força de trabalho empregada pelo setor pesqueiro. (ONU)

Comunidade pesqueira / Pesca artesanal

Essas resoluções são importante, pois foram tomadas pela Assembleia Geral que reúne todos os Estados-membros o que,  em outras palavras, significa dizer que grande parte do mundo adotará a data em seus calendários. Mobilizando assim o apoio à luta contra a superexploração da vida marinha que ocorre por meio da pesca ilegal, não declarada e não regulamentada.

Mesmo que ainda se trate de uma data simbólica, iniciativas como estas da ONU fazem com que assuntos relevantes entrem na agenda de políticas públicas de vários países do mundo, inibindo a superexploração dos recursos marinhos.

Se faz bem para o meio ambiente, está aqui no BioCâmera Ação!

Clique em um anúncio deste site e nos ajude a preservar o meio ambiente e a manter você bem informado!

Anterior Vídeo da Folha resume história do lixão da Estrutural em Brasília
Este é o post mais recente.

Nenhum Comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *